October 3, 2017

O valor está na correlação negativa


Em ambientes fora das crises financeiras, o desafio dos gestores de fundos hedge e fundos de futuros geridos é mostrar aos seus investidores que seu valor está em grande parte na correlação negativa com ativos tradicionais como renda fixa e ações.

Em períodos sem crises financeiras, a combinação de renda fixa e ações em um portfólio, parece ser suficiente para gerar retornos atrativos aos investidores. Neste ambiente o papel de investimentos alternativos como futuros geridos pode ser questionado.

Para que o portfólio composto exclusivamente por renda fixa e ações funcione são necessários dois cenários: No primeiro cenário precisamos ter correlação negativa entre renda fixa e ações. Historicamente sabemos que a correlação entre renda fixa e ações as vezes pode ser positiva. No segundo cenário o mercado de ações tem que estar em alta. Também sabemos que mercados de alta não duram para sempre. Não há garantias que esta correlação entre renda fixa e ações será sempre negativa como também não há garantias que teremos sempre um mercado de alta nas ações.

O principal valor de investimentos alternativos como futuros geridos ou hedge funds tem como base a contribuição marginal que a mesma fornece no longo prazo à nível de portfólio. Quando chegar a crise o portfólio estará preparado. Quando chegar o temporal você terá um guarda-chuva.